diversos

Tag: meu animal de estimação

29 novembro

Levando a Sério Blog

Oie amores, tudo certinho?
Bom, hoje o post é bem leve e bem cute cute *-*
Vim mostrar pra vocês meu animal de estimação e falar um pouco da sua historia e como ela entrou na minha vida a partir desta TAG que achei tão fofinha e resolvi fazer. 

É engraçado como nós, humanos sabemos identificar o que significa cada miado. Aprendi muito mais quando a adotei como por exemplo; eu sei desde quando ela quer ração até quando ela precisa fazer xixi na caixinha de areia que fica no quintal. É hilário!

1) Qual é o nome do seu animal de estimação?
O nome foi retirado dos cavaleiros do Zodíaco, é a deusa da Sabedoria, da guerra defensiva, da estratégia, da justiça e da esperança. É Athena, rs'

2) Qual é a espécie e a raça dele (a)?
Não sei dizer, mais acredito que seja mesmo vira-lata porque ela é mistura de um gato de raça com uma vira- lata.
Só isso que sei.

3) Qual é a idade?
2 anos e meio.

4) Como você o adquiriu?
Ganhei de presente, por dois motivos:

- Ela ia ser abandonada pelos antigos donos (ia ser jogada na rua mesmo)
- Eu andava meio tristinha pelo sumiço do meu antigo gatinho.




5) O que ele (a) mais gosta de comer?
Ela só come ração, porém é viciada em Whiskas sachê (se a empresa quiser patrocinar, eu topo) e se pudesse comeria todos os dias.

6) Há quanto tempo você tem seu animal de estimação?
Desde seu 1º mesário. Sim, ela veio bem pequena pra cá. Pedi encarecidamente para que os antigos donos esperassem um pouquinho até ela sair da amamentação para não sofrer com carência ou falta de leite e deu tudo certo.

7) O que ele (a) faz que é muito engraçado/fofo?
Nossa, muita coisa.. quando ainda filhote era super sapeca e aprontava todas. Eu amava!! Mas tem mania (desde pequena) de correr pela casa derrubando tudo o que ver pela frente. Outra coisa que ela faz que é bem "ooownn" é deitar de perninhas pra cima, esperando que passe a mão na barriguinha (é muito fofo). Mas não se enganem, ela é bastante zangada e tem que saber lidar com suas mudanças repentinas de humor



8) Como é a sua relação com seu animal de estimação?
Das melhores! Somos amigas, companheiras e eu cuido dela como se fosse minha filha.

9) Situação engraçada que aconteceu entre vocês.
Quando fui buscar-lá em um bairro distante e tive que ir de ônibus. Sim, fui de busão mesmo e ela estava muito assustada e amedrontada mas graças a Deus, tive pessoas que me ajudaram a levar as coisinhas dela e também ficou bem quietinha até dormiu na caixinha abraçada com seu brinquedinho de pelúcia (possui até hoje).

10) Alguns apelidos/ nome que você chama seu animal de estimação.
O mais comum é Xane, mas também a chamo de xaninha, princesa, fofuxinha e ela atende por todos mas quando quer né? porque vocês sabem que gatos tem vida e estímulos próprios, eles fazem o que quiserem quando bem quiserem.

Gostaram da tag? <3

resenhando

‘Nossas noites’

22 novembro

Levando a Sério Blog

'como eu disse, hoje eu sei dar valor a isso. Na época, não. Mas nós não sabíamos de nada quando tínhamos vinte anos e éramos recém-casados. Só tínhamos o instinto e os padrões com que havíamos crescido'... trecho de ‘nossas noites’


...existem livros que não te alcançam no primeiro contato. A história fica em suspenso em suas linhas, quase fora de alcance — como se precisasse de um tempo a mais, antes de se oferecer aos olhos. Foi justamente o caso de 'nossas noites', de Kent Haruf... que chegou às minhas mãos na primeira metade desse ano.

Observei a capa, li a primeira página... e o deixei de lado, no alto da pilha que mantenho em minha 'mesa de trabalho' — que pouco uso, já que prefiro sair para as ruas, caminhar calçadas... e ocupar a mesa do canto, no 'café entre esquinas'.

Mas, depois de tantas dissonâncias no mundo real das coisas... e algumas leituras mais agudas — nesse ano, voltei a ler os meus autores russos —, precisava de algo menos denso para sentir que a vida é mais que meia dúzia de desaforos ditos de maneira sobressaltada, por essa gente tão disposta a apontar o dedo na direção da ferida alheia...

Aterrissei na história numa manhã de sábado, em busca de um pouco mais 'de alma-calma-cuore', e me deixei seduzir pelos personagens principais da trama, que são viúvos... moram na mesma rua de uma pequena cidade — e poderiam ser meus vizinhos de porta, com quem pouco ou nenhum contato eu tenho...

Addie encontra em Louis uma saída para a sua solidão diária... e, a cada encontro noturno — uma espécie de fuga de suas vidas vazias e frias —, conquistam algo que muitas pessoas levam uma vida inteira para encontrar... isso quando encontram.

É através de uma taça de vinho — para ela — e uma garrafa de cerveja — para ele — que vamos sabendo o passado dos personagens. Ela se casou depois de engravidar e ele se envolveu com outra mulher quando o casamento atravessou problemas.

Participei — ao virar das páginas — dos diálogos comuns, como os que tenho com o meu menino, durante as refeições ou no meio do dia — de chuva —, quando nos sentamos para olhar nos olhos, encaixar as mãos... nos saber sem julgamentos-conceitos, apenas pelo prazer de ouvir-sentir-conhecer.

No livro — como na realidade —, não demorou para as personagens enfrentarem obstáculos e precisarem encontrar meios de sobreviver aos inconvenientes comentários de pessoas, incomodadas com a alegria de 'dois velhos' que se permitiram não pensar no fim... e apenas aproveitar o que é vida.

A essa altura da leitura... percebi que o livro era mais um reflexo da realidade — da qual pretendia fugir — e me e aborreci com a reação dos demais personagens... vizinhos, amigos e filhos, meros estranhos, incomodados com o que não tinham. Fui reconhecendo-os — um a um — nesse cotidiano-contemporâneo-nervoso, em que todo mundo se sente à vontade para dizer como o outro deve administrar a própria vida.

Ficou difícil virar a página e continuar a leitura, mas não desisti do livro — apenas fiz uma pausa para respirar o dia, as horas e saber notícias de uma amiga em viagem a Portugal... a ouvi dizer, num sem-voz — 'não nasci para ser sozinha' — e, como de costume, fiquei dentro da frase por alguns instantes, a sorver a combinação de palavras como se fosse um copo de latte.

Me lembrei de Baudelaire, que foi o primeiro a me aconselhar, através de seus versos: 'é preciso entender a solidão'... e depois fui me aconchegar em uma tela de Hopper, que me mostrou, através de seus desenhos... 'que somos pequenas ilhas'.

Voltei ao livro, aos personagens e passei a torcer para que a felicidade fosse possível — e não apenas um maldito produto disponível para compra numa prateleira de supermercado, onde se paga mais pela embalagem que pelo conteúdo.

Eu nunca esperei por pessoas em meu mundo-realidade — mas elas foram chegando, uma a uma... algumas escolheram permanecer, enquanto outras preferiram acenar e não mais voltar... houve quem voltasse tempos depois.

Eu confesso que nunca me importei com chegadas e partidas, por gostar do silêncio e da quietude de meu avesso e dos espaços e suas ausências.

'Nossas noites'... é o diálogo, o partilhar das vivências, a liberdade de existir sem se importar com o olhar alheio, apenas se preocupar em se sentir bem e aproveitar a vida e suas muitas variáveis — conscientes de que a gente envelhece todos os dias, mas só sente os efeitos na pele se nada fazemos com a vida que nos é dada no instante do nascimento.


Nossas Noites  — Kent Haruf
Companhia das Letras / 2017


Colaboradora do Blog

beleza

Influbeauty - Evento da Muriel

14 novembro


Levando a serio blog

Olá pessoas, tudo bem?
No sábabo, dia 11 de Novembro houve o 12º INFLUBEAUTY - Evento da Muriel destinado a blogueiras e Digitais Influencies onde tive o privilegio em participar. Desta vez, aconteceu aqui, na cidade de São Luis - Maranhão no Hotel Luzeiros, com a presença das famosas Helen Ganzarolli, a Drag Queen SISSI e uma surpresa inesperada, a Dançarina Sheila Mello. 
Foi super divertido!!

Levando a Sério blog

Foi a primeira vez que eu participei de um evento como este e simplesmente a-do-rei. Tudo muito descontraído e dinâmico. Teve dança, musicas, bate papo, tiramos duvidas sobre os produtos, perguntas e respostas com as famosas, um belíssimo coffee break e Kits pra tudo mundo (uhuul) e as meninas, Sheila e Helen foram super atenciosas, carismáticas, simpáticas e animadíssimas, botou todo mundo pra se divertir. 

Levando a Sério blog

Sobre:
O INFLUBEAUTY é o encontro de influenciadores de beleza organizado pela marca Muriel Cosméticos com assessoria da agência DEFOCO. O evento é itinerante, tem como propósito a divulgação de lançamentos e outros produtos da Muriel Cosméticos, disseminação de informações úteis para os influenciadores, além de diversas surpresas durante uma tarde especialmente preparada.

Levando a Serio blog

Quem pode participar? 
O encontro é voltado para influenciadores de beleza, podendo ser influenciadores digitais ou de outras categorias. O convite é pessoal e intransferível, por isso não será possível a presença de acompanhantes, entrará somente com o nome em nossa lista.

Como participar?
Para participar é preciso fazer a inscrição pelo site www.influbeauty.com.br com os dados solicitados. Todos os inscritos passarão por uma seleção devido ao número limitado de vagas.

Como saber que foi selecionada?
Após o fim das inscrições e seleção, será enviado por e-mail a confirmação da participação do(a) influenciador(a) no evento, com dados de horário e local. Não participantes também receberão um e-mail informativo. O e-mail de confirmação poderá ser enviado até um dia antes da data do evento. É necessário verificar o Spam se ainda não tiver recebido o e-mail.

Levando a Sério blog

O proposito deste evento além de divulgar os produtos da Muriel, foi também para contar um pouco sobre esta renomada empresa, como tudo começou até os dias atuais. O diretor comercial da Muriel Paulo Boldarin, foi quem palestrou sobre a história da marca. O mais legal é que todos os produtos recém lançados, foram criados através de inúmeras pesquisas, e sabem quem foi a fonte de inspiração pra eles? Os Digitais Influencies, isso mesmo! Foi a partir das receitinhas caseiras que veio a ideia de inovação, por isso criaram shampoos com FEW POO (Few - pouco detergente - Poo abrev. de shampoo) o que tem gerado muito sucesso tanto para as empresas não só a Muriel como outras que buscam o mesmo progresso mas também para nós, os influenciadores. Uma curiosidade é que a Muriel produz suas próprias embalagens, por este motivo os preços são super em conta. Legal né?


Falaram também sobre a nova linha de produtos para as ONDULADAS - Eu sou uma onduladinha e já quero muuuito usar. O que promete definição e ativador de ondas. Com foco nos cabelos 2A, 2B e 2C, a linha Umidiliz Onduladas hidrata e modela sem pesar o cabelo. Os ativos dos produtos - Amido de Milho, Açúcar, D-Pantenol, Aminoácidos, Óleo de Rícino e Vitamina A.

RECEBIDOS DA INFLUBEAUTY

Levando a Sério Blog

Recebi da Muriel a linha ALISENA - Lisos & Longos. Promete deixar os cabelos mais lisos e sem frizz, a proposta é acelerar o crescimentos dos fios com maciez e brilho. Ideal para todos os tipos de cabelos em especial para os fios danificados. Recebemos este Kit no evento e vou trazer a resenha deste produto logo logo para o blog.

Levando a Sério blog

Recebi também esta mascara da Alisena tradicional de 500g - Composta por D-Pantenol, acido láctico, glicolido e aminoácidos. Livre de Sulfato, formol, tioglicolato e Petrolato, as gravidas também pode usar, não é testado em animais que é o certo. Promete deixar os cabelos mais lisos e soltinhos sem agredir os fios, dando brilho e maciez eliminando de vez os frizz. Super conhecida, estourou entre as youtubers no Brasil inteiro.

Levando a Serio Blog
Adorei conhecê-las 💕

Espero participar de mais eventos como este para trazer todas as novidades. Você já participou de algum evento nesse estilo? Deixe seu comentário abaixo.

Beijos e até a próxima pessoal.

Comportamento

Positividade

08 novembro

Levando a Sério Blog

Olá pessoas, tudo bem?
Você é uma pessoa 100% positiva? Vive sempre em busca de momentos felizes e seus pensamentos são completamente livres de toda a negatividade?

A positividade é uma forma de atrair ótimas experiências, superar as adversidades tentando ver sempre o lado positivoSer uma pessoa positiva é atrair o bem. É o plantar e colher coisas boas, é ser bom e receber o melhor. Trata-se de um fator muito importante para o desenvolvimento em todas as áreas de sua vida. Pessoas positivas são pessoas totalmente produtivas e agradáveis. Seja positivo porque sua chance de sucesso será muito maior do que a chance para o fracasso.

A fé é a positividade daquilo que você acredita. Crer que algo vai acontecer e focar sobre um determinado objetivo, você conseguirá realizar pois a sua mente esteve todo tempo ali. Temos que deixar absorver tudo que vem de nós e isso irá atrair boas energias.

A motivação é outro fator que transmite o positivismo para dentro de si, você já ouviu algum pastor, padre, lideres de uma determinada religião falar em algo negativo? O que você vê são pregações com positivismo e muita fé. Eles incentivam a busca por Deus e mostrando os benefícios para quem serve a Ele, tirando-os do mal que lhe afeta com palavras motivadoras.

Porque precisamos ser positivos?

Outro dia eu e meu amigo estávamos conversando sobre a incredulidade das pessoas. Como elas deixam de ser positivas por coisas simples. Um exemplo bem clássico é o natal: Hoje em dia é muito difícil você ver famílias se reunindo em volta de um mesa para celebrar o nascimento de Jesus, ou a pascoa pela sua ressurreição ou fazer a festa da criançada pra ganhar presentes. A união está ficando escassa. A positividade começa dentro de você e a pratica inicial começa dentro de sua casa. Porque não praticar a fé e o positivismo com seu próximo? Outra razão impactante pela qual a negatividade prevalece são pelos índices altíssimos de insegurança nas ruas, nas cidades e em suas próprias residências. Pessoas deixaram de acreditar no próximo por medo do que ela pode fazer. Infelizmente, é isso que acontece. O ser humano está perdendo a fé por coisas simples da vida. E a negatividade consome a maior parte do seu tempo. Precisamos dizer não às preocupações, colocar a magoa de lado, desistir de controlar o mundo, usar a crise como motivação, jogar fora o lixo mental e aceitar a vida como ela é. 

Positividade x Saúde

O pessimismo faz mal a saúde disso todos já sabem, mas o que muitos não notam é que a qualidade de vida de um pessimista é vulnerável a diversas doenças como ansiedade, estresse, entre outros fatores. Estudos mostram que os otimistas são fisicamente e psicologicamente mais saudáveis do que os pessimistas. Pesquisadores descobriram que a saúde dos pessimistas deteriorou-se muito mais rapidamente, à medida que envelheciam.

"Treine sua mente para pensar positivo
em todas as situações" 

Comece pelo começo

Não é fácil tornar-se positivo de uma hora pra outra, isso requer iniciativa, foco e atenção. Acorde cheio de boas vibrações, desejando um dia lindo. Sorria com seus amigos, familiares e até mesmo com desconhecidos. Crie metas e anote em um papel, agenda ou celular para que você não esqueça. Seja verdadeiro e sincero, uma pessoa positiva não precisa concordar com tudo. Transforme-se na pessoa pelo qual você gostaria de conhecer, seja aquela pessoa que todos querem por perto, que sintam sua falta numa roda de amigos e afins. Isso fará de você um ser humano maravilhoso e perceptível para muitas outras. 

Pratique o desapego

Primeiro passo para se tornar positivo é eliminar de vez os pensamentos negativos da sua mente, quanto mais você martiriza pessimismo na sua cabeça, mas poderes eles terão. Busque sempre conversas saudáveis e alegres, corte tragedias ou algo ruim do seu ciclo de amigos. Ensine-os a praticar esse tipo de desapego com você e mantenha sempre o mesmo hábito. Lembre-se; quando você imaginar que não consegue ou não é suficiente, é seu cérebro exagerando sobre a gravidade de um evento. Identifique e separe os fatos da imaginação para escapar do ciclo de pessimismo e poder partir para uma nova perspectiva positiva. A simples decisão de não se agarrar aos problemas pode melhorar e muito sua vida.

Seja Grato

Uma das coisas que me impulsam muito a pensar positivo é sempre verificar pelas coisas no qual sou grata. Tome um tempo para contemplar todas as coisas pelas quais você se sente gratificante. Este simples hábito reduz o estresse em 23% de acordo com as pesquisas. Você cultiva uma atitude de gratidão, tomando um tempinho todos os dias para se concentrar em algo bom. Toda vez que você viver pensamentos negativos, use isso como uma sugestão para mudar de direção e pensar em algo que fará você se sentir bem. Com o tempo, a atitude positiva tornará uma rotina.

Respire fundo

Se algo que você planejou não deu certo, não se desespere, mantenha a calma e veja o lado bom das coisas. Pense nas possibilidades que o Deus ou o universo podem está preparando de melhor. Têm coisas que são bem difíceis de praticar a positividade, mas para esses casos recomenda-se distrações; é isso mesmo, faça algo que te distraia como: ler um bom livro, assistir um bom filme, ouvir uma boa musica ou dá um voltinha por ai para abstrair. Absorva o pensamento que isso não passa de um obstáculo a ser superado.

Afaste-se de pessoas negativas

Elas são as que mais te deixam pra baixo. Se conheces alguém que é a negatividade em pessoa, corte vínculos afetivos com ela. Pois não é nada prazeroso ouvir coisas ruins o tempo todo. Ignore qualquer tipo de má intenção referente ao pessimismo. Use suas redes sociais para a seu favor, veja quem você segue e elimine pessoas ou coisas que não vão acrescentar em nada e traga para dentro de seu ciclo social pessoas que te inspiram e que praticam o bem.

Busque soluções

Uma pessoa positiva não aceita esperar que algo aconteça, ela vai lá e faz! Todos nós possuímos grandes ou pequenos problemas, porém, não a nada que não possa ser resolvido, encontre uma solução e acredite (use a fé) que vai dá certo.

Espalhe boas vibrações

Seja bastante focado. Cultive o que há de melhor, respeite seus limites e saiba admirar o mundo ao seu redor. As pessoas se sentirão bem ao seu lado. Fale de coisas boas e veja sempre o lado bom de cada um. Atraia para si, pessoas do bem e que acreditam no poder do positivismo.


Beijos, até a próxima pessoal!

beleza

Match - Patrulha do Frizz

01 novembro


Levando a Sério Blog

Olá amores, tudo bem?
Você já deve ter olhado em vários blogs, instagrans e afins que a Boticário lançou recentemente a linha Match - Patrulha do Frizz, e sempre que divulga algo novo, ela distribui amostras de seus produtos por um tempo limitado. Enfim, eu fiz meu cadastro e busquei em uma loja próxima de minha residência. Foi a primeira vez que participo de suas promoções, recebi, fiz o teste e agora vamos a resenha. Desculpem a demora pra resenhar, pois ainda não tinha utilizado o produto.


Match - Patrulha do Frizz 

A amostra foi a mascara de blindagem contendo 50ml, com óleo de abacate e creatina -um aminoácido de baixo peso molecular que possui ação altamente condicionante, o que deixa as cutículas seladas criando uma película protetora contra a umidade, deixando os fios livres, leves e soltinhos.

O que promete?

Uma dose extra de hidratação e proteção para os cabelos. É um aliado no cuidado dos fios rebeldes que sofrem com o frizz. Ajuda a selar as cutículas e a controlar a ação da umidade, mantendo as mechas impecáveis por até 2 dias.

Modo de uso:

É super simples: Basta aplicar a mascara por todo cabelo úmido, deixando agir por apenas 5 minutinhos e enxague. Recomendado usar de 2 a 3 vezes por semana. 

Composição: 

Imagem autoral do blog - Coisas de Diva

Considerações finais:

É um produto cheio de pontos positivos; o cabelo fica cheiroso até a próxima lavagem, mesmo molhando os fios o cheirinho suave continua lá; dá pra usar o produto até a ultima gota; o cabelo fica macio, soltinho e bem emoliente; diminui o frizz sem deixar o cabelo pesado. Super aprovado, adorei a mascara e pretendo usar em breve a linha completa. Deu Match sim!


E você também recebeu a amostra? Conte aqui nos comentários


Comentários

google+